O Web Filter é uma ferramenta desenvolvida para realizar o monitoramento dos sites acessados pelos usuários no ambiente empresarial. Como o nome indica, trata-se de um filtro de conteúdo da web, com a finalidade de restringir o que pode ou não ser acessado pelos usuários.

Esse recurso é uma ferramenta fundamental na segurança da informação. Afinal, grande parte dos perigos oferecidos às empresas, bem como vulnerabilidades, são exploradas através de acessos a sites da web.

E, como estamos sempre tratando aqui, a segurança da informação é uma área indispensável no ambiente empresarial,  na  continuidade dos negócios.

Isso porque, muitos sites hospedam malwares, que são softwares maliciosos, que tem como objetivo infectar máquinas a fim de danificá-las, sequestrar dados (no caso, ransomware), colocando em risco a segurança das informações da empresa.

Aqui no blog já tratamos de várias vulnerabilidades, expondo as táticas utilizadas por criminosos, bem como a necessidade de manter as informações seguras. Agora, estamos elaborando uma sequência de artigos para apresentar a você as ferramentas que irão te auxiliar na tarefa de cuidar das informações da sua empresa.

Pensando nisso, preparei para você esse artigo para falar sobre o que é web filter, como funciona, sua importância dentro do ambiente empresarial, como ele pode ser usado para aumentar a produtividade e estar integrado com outra ferramenta essencial para a segurança da informação.

Está pronto para descobrir?

Então vamos lá!

Web Filter

O Filtro de Conteúdo Web, também chamado de Web Filter, é o nome que denomina a ferramenta que possibilita a aplicação de controles sobre o uso da internet, conforme as políticas de segurança estabelecidas pela corporação.

De forma mais clara, esses filtros contribuem, com os analistas, estabelecendo uma conformidade entre a política definida e o dia a dia na organização.

Basicamente, o web filter trabalha com dois tipos de listas em sua operação: a whitelist, que é a lista que libera os acessos, e a blacklist que nega os acessos. Essas listas são configuradas e determinadas dentro de software.

Existem alguns programas que entregam essas listas pré-configuradas, evitando assim o trabalho de montar lista por lista. Existem, ainda, sistemas que permitem a utilização de uma lista separada de whitelist e blacklist, permitindo ou negando o acesso a sites em horários pré-estabelecidos.

Esta prática é muito utilizada para o uso da internet fora do horário das atividades de cada usuário.

Essas configurações seguem as normas da política de segurança da informação elaborada pela empresa, que abarcam as estratégias de como a mesma atuará frente às ferramentas e ações de segurança da informação, como por exemplo: sites permitidos, acesso e uso dos equipamentos e dispositivos móveis (computadores, notebooks, celulares, tablets, etc).

Como funciona

Talvez você tenha ficado na dúvida:

"Então, é necessário que eu administre duas listas?" Não. Você vai determinar uma das duas listas.

Ou você libera os acessos e cria uma blacklist com as negações, ou bloqueia todos os acessos, criando uma whitelist com as permissões, o que é uma prática mais segura.

De forma simplificada, os programas, após serem configurados com as listas que você criou, fazem uma busca por palavras chaves, e pela url dos sites, permitindo ou não os acessos.

Benefícios do Web Filter no ambiente Empresarial

O Web Filter é uma ferramenta que visa, em de forma central, assegurar a proteção dos dados e informações da sua empresa, mas, não é somente esse benefício que ele apresenta.

Veja alguns outros benefícios:

Segurança, disponibilidade e eficiência

Além de possibilitar total agilidade no controle de uso da internet, o Web Filter também oferece uma camada extra de segurança. Por ser tão eficiente e abordar categorias completas de conteúdo, ele inclui a classificação de sites que possuem conteúdos maliciosos. O controle automático a este tipo de conteúdo proporciona tranquilidade para analistas e gestores.

Além disso, ele também é extremamente eficaz quando se trata de disponibilidade da internet. Uma das principais causas de indisponibilidade é resumida pelo consumo excessivo de banda por algum colaborador da empresa, o que, potencialmente, inviabiliza o uso por parte de outros departamentos.

A limitação de banda, com base nas categorias do Web Filter, também auxilia os profissionais a superarem este problema dentro da organização.

Relatórios de acesso
Em sua grande maioria, filtros de conteúdo possuem recursos com relatórios de acessos fazendo parte de sua estrutura. Isso permite que o analista saiba exatamente o que os colaboradores estão acessando, qual a taxa média de banda consumida por cada um deles, quanto tempo os colaboradores permanecem em cada site, dentre outros.

Esses relatórios proporcionam aos analistas uma atuação proativa, antecipando ações corretivas, mediante identificação de anormalidades no uso da internet. Algumas soluções, com por exemplo o envio de notificações automáticas por e-mail, facilitam ainda mais o dia a dia de analistas e gestores.

Melhoria em produtividade

Procurar por ferramentas adequadas que melhorem a produtividade do time é um desafio constante, tanto para os gestores como para analistas, independentemente da área de atuação na empresa.

Com o uso inadequado da internet, é fácil que o time se torne menos produtivo, causando perdas representativas, como você pode ler no artigo sobre perdas associadas à falta de produtividade.

No entanto, ao realizar a categorização correta dos conteúdos, torna-se mais fácil transformar o tempo dos colaboradores em atividades úteis e valiosas para o crescimento do setor e da empresa.

Uma das maiores perdas de uma empresa pode acontecer internamente, através do mau uso da internet. Através da categorização eficiente do conteúdo, isso não será um problema.

Analistas e gestores de tecnologia tem papel fundamental para o desenvolvimento e sucesso da organização, uma vez que boa parte dos processos de uma empresa encontram-se informatizados, e muitas vezes dependentes da internet.

Quando você pode controlar e filtrar a navegação, a sua empresa fica mais segura, a produtividade dos colaboradores aumenta, fazendo com que a empresa caminhe de forma mais segura e acertada para seus objetivos.

Mas, além de conhecer o Web Filter, sabendo como ele opera e seus benefícios, é interessante que você saiba também que existem ferramentas e tecnologias que permitem você se comunicar de forma mais segura, e ainda gerenciar de forma integrada todas essas soluções, apresentando outros recursos e ações de segurança da informação.

Como é o caso do AdmFirewall, que é um firewall que já possui a função do web filter, garantindo assim a proteção da rede de computadores da sua empresa, filtrando e limitando o acesso na internet, além de possuir outros recursos como VPN e IDS/IPS.

Ficou curioso para descobrir mais sobre essa ferramenta? Clique no banner abaixo e saiba mais informações sobre ela:

banner-admfw-orcamento


Conclusão


O que podemos concluir é que, a filtragem de navegação é uma ação de segurança da informação, indispensável para a proteção dos dados e informações de uma empresa, bem como é uma peça fundamental na produtividade e otimização dos serviços da mesma.

E, como venho falando sempre em nossos artigos, nós, da Starti, temos um compromisso de ajudar as PMEs a criarem uma consciência da importância da segurança da informação para o ambiente empresarial, bem como a tomada de ações que zelem pela mesma.

Pensando nisso, como foi dito na introdução, estou preparando para você uma série de artigos que ajudará a sua empresa a proteger seus dados e informações, bem como garantir a continuidade dos seus negócios.

Fique ligado em nosso blog e nos nossos canais de comunicação.

Firewall Appliance: é viável para sua empresa?Uma experiência única de Segurança Cibernética, Gestão TI e Vendas
RDP e porta TS: Como elas podem oferecer um risco a Segurança da Informação

1LOTE-BANNER-TSC2019