Em toda empresa, o público-alvo precisa ser segmentado. Assim, as campanhas de marketing e o planejamento estratégico podem engajar mais rapidamente, favorecendo resultados positivos.

Entretanto, não basta apenas segmentar: há diferentes tipos de clientes dentro de cada público, o que pode atrapalhar o atendimento da empresa se ela não souber diferenciá-los.

Logo, o que se deve fazer é tentar definir cada comportamento, para então poder oferecer um atendimento exclusivo. Portanto, o objetivo do post de hoje é ensinar como lidar com clientes dos mais variados perfis possíveis. Confira abaixo:

Os tipos de clientes

Vamos abordar 5 tipos de clientes. São eles: o grosseiro, o crítico, o satisfeito, o confuso e o ansioso.

O grosseiro

Atender um cliente grosseiro é uma tarefa difícil: deve-se ter paciência para não mandar pessoas com essa personalidade embora. Além da grosseria, traços característicos desse tipo incluem a falta de educação, ameaças e uma atitude arrogante.

Nesse caso, é preciso manter a educação e a firmeza nas palavras, oferecendo um atendimento claro e de qualidade. Não compre a briga e não leve para o lado pessoal, ou seja, não se deixe afetar emocionalmente. Entenda o motivo da insatisfação e trabalhe com esse foco!

O crítico

Uma das vantagens de atender a um cliente crítico é que ele oferece todos os tipos de feedback. É aquele cliente que vai contatar a empresa para reclamar e criticar o serviço ou o atendimento. Logo, ajudará a definir melhor as suas estratégias e o que deve ser melhorado no seu negócio.

Portanto, a postura correta diante desse tipo de cliente é ouvir, anotar e agradecê-lo pelas reclamações e críticas! E, claro, aprimorar os pontos mencionados.

O satisfeito

Um cliente com essa personalidade é um consumidor ávido por apresentar seus elogios em relação ao serviço e produto adquirido.

É provável que até faça uma crítica, mas a fará em um tom simpático, sem que a relação se abale. Para ele, o atendimento deverá ser educado, agradecendo pelas informações e investindo ainda mais nessa fidelização.

O confuso

Um cliente inseguro pode ser um desastre para a empresa, uma vez que ele não sabe dizer ao certo o seu problema nem o que precisa para solucioná-lo.Essa confusão, inclusive, pode levar à impaciência dos atendentes, por não saberem aonde o cliente quer chegar.

Assim, além de ter muita paciência, é preciso que se guie o cliente para a organização dos fatos, tentando compreender sua história e, acima de tudo, conquistando esse consumidor ao transmitir-lhe confiança e muita segurança na hora de fazer uma decisão.

Crie um relacionamento em que o cliente possa desabafar, assim abrindo portas para que você possa guiá-lo através de seus dilemas.

O ansioso

O cliente ansioso é aquele que quer tudo para ontem. Então, é comum que faça contatos frequentes perguntando sobre a entrega dos produtos ou instalação dos mesmos. Nesse caso, recomenda-se que seja feito um atendimento firme, explicando os prazos e fazendo com que ele entenda que não há exceções.

Cuidado para não prometer nada que não possa cumprir, porque o tiro pode sair pela culatra, principalmente se o cliente ansioso prestar atenção nessas promessas.

Esses 5 tipos de clientes são só alguns que toda empresa necessita observar, a fim de oferecer um atendimento personalizado. O objetivo é não perder o cliente, jamais!

E você, já sabe identificar melhor cada personalidade? Conte nos comentários suas experiências e opiniões sobre o assunto!

Engaje os seus funcionários com técnicas de atendimento ao cliente