/ Firewall

O que é segurança da informação e por que você deve saber?

A evolução gerada pela tecnologia transformou o modo como as empresas trabalham.

A partir do uso dos sistemas de informação integrados e demais aplicativos voltados à gestão e administração de empresas, a TI acabou sendo responsável por proteger todas as informações de negócio que estão presentes nos bancos de dados e demais arquivos da empresa.

É nesse ponto que entra a importância da segurança da informação, sendo a área da informática responsável por proteger os dados da empresa de ataques maliciosos feitos por hackers – que podem sequestrá-los ou destruí-los –, além de evitar o vazamento de informações, que pode ocorrer até mesmo de forma acidental, por parte dos próprios funcionários.

Mas você sabe o que é segurança da informação e porque deve se interessar por ela? É sobre isso que vamos falar hoje. Acompanhe!

A importância da segurança da informação para a sua empresa

Muitas empresas ficam desprotegidas ao não levarem a segurança da informação a sério – elas não entendem o risco que estão correndo.

Um único incidente nesse sentido pode ser o suficiente para afetar o seu faturamento.

Por exemplo, empresas que prestam serviços de auditoria e consultoria financeira, em que na maior parte do tempo lidam com informações sigilosas de outras corporações, – caso essas informações sejam extraviadas, elas podem ser responsabilizadas e, além de diminuírem a sua credibilidade no mercado, podem ter que pagar indenizações aos proprietários dos dados.

Além disso, empresas em crescimento, que possuem produtos ou serviços inéditos, podem rapidamente perder o seu valor de mercado caso as informações que são o segredo do seu negócio caiam em mãos erradas.

Soluções de segurança da informação

Para implementar uma estratégia de segurança da informação, a maioria das empresas acaba contratando especialistas, a fim de que os mesmos façam uma análise do cenário atual e ajude a planejar a situação ideal para o seu caso.

Além de possuir mais conhecimento sobre o tema, os especialistas são capazes de fornecer conselhos e orientações importantes para garantir a proteção dos dados da empresa.

Com softwares específicos para simular invasões e cenários maliciosos, as soluções também contam com ferramentas para aumentar o controle e a segurança sobre a rede e os dados da empresa.

Conscientize todos os seus colaboradores

Outro ponto importante para que a segurança da informação seja aumentada em uma empresa é a conscientização e o engajamento de todos os funcionários.

É normal as empresas, antes de implantarem suas políticas de segurança com mais rigidez, promoverem palestras, workshops ou até mesmo atividades criativas, como teatros e vídeos, para mostrar a importância de se preocupar com a segurança da informação e conseguir a ajuda de todos os seus colaboradores.

Os meios de comunicação interna já existentes em sua empresa também são um recurso que pode ser utilizado para esse fim.

O mais importante é sempre tratar do assunto com o objetivo de convencer as pessoas a ajudar nesse processo.

Uma vez que as empresas entendem o que é segurança da informação e a importância de investir nela, é uma questão de tempo até fazer a escolha da estratégia a ser adotada, levando-se em conta o ambiente de TI e a realidade do negócio.

Mas é importante lembrar que tudo deve começar com uma análise da situação atual para que as metas e objetivos sejam definidos e possam ser alcançados.

Mas como alcançá-las? Que ações tomar?

Como garantir a segurança da informação em sua empresa?

O uso das redes de computadores da internet (e intranet) garantem maior produtividade das corporações, agilizando processos e diminuindo seus custos.

Todavia, o número de ataques àqueles dados também evolui e se expande rapidamente.

De acordo com a empresa de segurança digital Gemalto, em 2014, os registros de violações das informações cresceram 55% nas empresas varejistas.

Os ataques aos sistemas de informação das corporações não só crescem como também se sofisticam, ou seja, eles se renovam e driblam estratégias de segurança virtual atrasadas.

Um ataque de malware pode gerar consequências irreparáveis aos dados da sua empresa.

A corporação pode perder os dados da clientela, informações bancárias corporativas, a documentação e as informações técnicas (fornecedores, cartão de crédito da clientela, etc).

Veja abaixo dicas de como garantir a segurança da informação da sua empresa.

Utilize hardwares e softwares originais

Utilize antivírus, firewall e antispam como ferramentas de proteção às informações. Esses mecanismos identificam e atualizam definições de vírus ou quaisquer suspeitas que comprometam a segurança da informação da empresa.

Outra função é chamada de varredura automática. Além de atualizar e definir malwares e spams suspeitos, os programas conseguem eliminá-los, otimizando o trabalho virtual.

Invista em Cloud Computing

Cloud Computing significa “Computação em Nuvem”. Trata-se de armazenar todos os dados em uma rede, sem precisar de espaço físico.

O benefício, além de reduzir custos e aumentar a produtividade da corporação, é garantir a segurança da informação nas empresas, uma vez que se trata de um software.

As empresas responsáveis pelo armazenamento em nuvem são especializadas em segurança da informação digital, mantendo documentos longe de ataques.

Tenha uma equipe especializada em segurança da informação

Na era em que a virtualização cresce a cada dia, é fundamental investir em uma equipe que entenda tudo sobre ameaças virtuais.

Eles conseguem diagnosticar quais os melhores softwares e hardwares para a empresa e elaboram estratégias para protegê-la, deixando-a mais segura e com melhor custo-benefício.

Limite o acesso das informações

Infelizmente, o sequestro de arquivos preciosos das empresas pode ser feito até pelos seus próprios funcionários.

Portanto, forneça apenas os dados necessários para os colaboradores e limite o número de pessoas com acesso aos dados primordiais da companhia.

Estabeleça um código de ética e explique aos colaboradores a importância de proteger os documentos virtuais corporativos.

Faça backups dos dados

Fazer um backup significa tirar uma cópia de segurança – é copiar todas as informações armazenadas e colocá-las em outro dispositivo de armazenamento.

Em caso de perda de documentos por ataques maliciosos ou mau funcionamento do sistema, usa-se a cópia para restaurar o que foi perdido.

Há alternativas de como fazer backup:

– Pode-se transferir tudo em CD, DVD e Blu Ray;

– Por pendrive (fica mais fácil manusear os arquivos);

– HD externo (grande espaço para guardar informações);

-Arquivos na nuvem (muitos softwares oferecem planos grátis de backup);

– E até mesmo por dispositivos móveis.

Adote a mesma política de segurança da informação para aparelhos móveis

A mobilidade digital é uma realidade que já chegou ao mundo corporativo. Pode-se acessar o e-mail da empresa e outros dados.

Porém, os dispositivos móveis também são alvos de ataques – logo, a segurança desses equipamentos é fundamental.

Para isso, as estratégias recomendadas são:

– Use opções de segurança como as senhas, utilizando-as principalmente em notebook, um equipamento que possui alto índice de roubo;

– Criptografe os seus arquivos, criando códigos que evitam que a documentação roubada seja acessada em um outro dispositivo;

– Também convém fazer backups dos dados dos aparelhos móveis.

Agora é possível compreender a importância da segurança da informação para sua empresa?

Por meio de estratégias, investimentos em programas de segurança, orientação e qualificação dos colaboradores, a empresa torna-se um lugar mais produtivo e longe das ameaças virtuais.

E então, gostou das nossas dicas? Você adota essas práticas em sua empresa? Compartilhe suas experiências conosco nos comentários.